Pantcho’s House: o casal que transformou a casa em uma hamburgueria

"A gente vai fazer? Então vamos fazer algo de excelente qualidade”

- Ricardo Vieira, Pantcho's House

A história da Pantcho’s House poderia ter saído de um filme de comédia romântica. A designer Regina e o namorado Ricardo, que estava quase se formando em Geografia, adoravam receber os amigos em casa. 

Fãs de Tarantino, cinema e rock and roll, nos encontros com a turma, sempre faziam para galera comer o hambúrguer do Ricardo.

Em uma época de problemas no trabalho, Regina teve a ideia de começar a vender esses lanches. Então, aos finais de semana, no próprio quintal da casa deles, começaram a fazer e distribuir os hambúrgueres.

A decoração foi toda arranjada com as coisas que tinham em casa: disco de vinil, quadros de cultura pop e outros itens meio improvisados. Foi dessa época que veio também o nome do estabelecimento: Pantcho’s House, ou a casa do Pantcho, apelido do Ricardo.

O negócio deu tão certo que a Pantcho’s acabou virando a primeira hamburgueria artesanal do Grajaú e hoje se localiza em local próprio, que recebe cerca de 1000  pessoas por final de semana!

Mas a ideia de manter o clima da “casa do Pantcho” continua. No cardápio, por exemplo, todos os nomes dos lanches são referência a seus bichinhos de estimação, e a trilha sonora do restaurante é tudo que eles costumavam ouvir desde a época que se encontravam com os amigos em casa.

Fique por dentro

© 2018 por O Giro da Periferia

  • youtube
  • insta
  • facebook